CAPA

Com traje típico incomum, Miss Acre fica fora do top 16; Rio Grande do Sul levou a coroa

No último sábado 08 de junho, aconteceu mais uma edição do Miss Brasil que agitou o país e a as redes sociais. Com representantes de todas as 5 regiões, o concurso tem como foco eleger a mulher mais bela e preparada para representar a pátria no Miss Universo 2023.

Com um traje típico que não agradou o povo acreano, a representante natural de Xapuri, Ludimila Souza de 21 anos, a Miss Universo Acre 2023, ficou fora do top 16 logo na primeira eliminação do concurso nacional.

Vale ressaltar a grande beleza de Ludimila, que logo após o seu surgimento no ambiente midiático, chamou atenção. Não apenas pelas suas caraterísticas físicas, mas por sua desenvoltura na passarela, além educação e atenção com os seus fãs.

O traje típico que foi bastante criticado nas redes sociais, foi produzido pelo Doutor da Borracha e pelo artista visual e gráfico, Tino Txai.

A coroa de Miss Brasil 2023 ficou com a jovem de 19 anos, Maria Eduarda Brechane. Natural do Rio Grande do Sul, ela irá representar o país no concurso internacional.

FONTE Cidade Alerta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

doze − 7 =