Vereador encaminha ao TRE e ao MPE denúncia contra Marcus Alexandre

Vereador encaminha ao TRE e ao MPE denúncia contra Marcus Alexandre

O vereador João Marcos Luz protocolou no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) e no Ministério Público Estadual (MPE) pedidos de apuração das atividades políticas de Marcus Alexandre. Como servidor cedido à Corte Eleitoral, o ex-petista estaria impedido de participar de debate político-partidário, segundo o Código de Ética.

O parlamentar foi pessoalmente protocolar as denúncias, incluindo nos pedidos reportagens e imagens das redes sociais que apontam suposto envolvimento do ex-prefeito com representantes de diversos partidos que buscam formar uma frente para disputar as eleições municipais de Rio Branco.

No documento, o vereador pede ao TRE a abertura de processo administrativo para apurar os atos de Marcus Alexandre. No MPE, a queixa solicita investigação do caso, podendo resultar em abertura de processo.

Segundo notícias veiculadas em dezembro de 2022, o ex-prefeito desfiliou-se do PT por ter sido cedido ao Tribunal Regional Eleitoral. Na época, a legenda emitiu nota justificando a saída dele, confirmando o impedimento da atuação partidária.

“A denúncia pede apuração para garantir o respeito à legislação e o equilíbrio na disputa da prefeitura de Rio Branco. Vamos aguardar a resposta dos órgãos fiscalizadores”, finalizou João Marcus Luz.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

seis + 3 =