Prefeitura de Rio Branco oferece mais um reforço alimentar para alunos de rede pública de ensino

Todos os dias, o Heitor chega cedo na escola na garupa da bicicleta da mãe. Ele já é
disciplinado. Logo que desce da bicicleta lava as mãozinhas e vai para a sala de aula.

“Todos os dias ele chega, lava as mãos e eu fico esperando a hora dele entrar”, conta a mãe do
Heitor, a dona de casa Fernanda Oliveira. A mãe diz que, antes de sair de casa, o Heitor toma
uma mamadeira de mingau. A próxima refeição seria as nove horas, muito tempo para uma
criança que acorda cedo. Ela ficou feliz com o cuidado da prefeitura com a saúde alimentar do
filho, porque ele vai merendar cedo e ficar bem reforçado.

Diferente do Heitor, para grande parte dos alunos da rede pública de ensino a merenda
escolar é a primeira refeição do dia. Como uma criança bem alimentada aprende melhor, a
Prefeitura de Rio Branco está inserindo mais um alimento cardápio: o desjejum. Esse reforço
alimentar será oferecido antes dos alunos entrarem para a sala de aula.

A ideia do reforço alimentar logo no início da aula foi do próprio prefeito. Ele chegou cedo na
Escola Wildy Viana, onde o programa foi lançado. “Esse café da manhã que a gente lança hoje
em todas as escolas do município, vem para suprir algumas necessidades de algumas crianças
que muitas vezes sai de casa sem poder tomar nenhum cafezinho, então com a barriguinha
vazia não aprende, a gente sabe disso como professor de tantos anos, e eu tenho certeza que
isso daqui é um grande avanço diante de tantos outros que a gente já teve

A secretária de Educação diz que o cardápio será diversificado e vai contemplar todas escolas.
“Todos os dias nas escolas do município está sendo incluído o café da manhã, que nós temos
como reforço alimentar. Já está provado e comprovado cientificamente que a criança bem
alimentada aprende melhor. Sabendo disso foi que o nosso prefeito Tião Bocalom, muito
sensível com a questão da educação no nosso município, mandou que incluíssemos o café da
manhã para todas as nossas crianças da rede pública municipal”, explica a secretária Nabiha
Bestene.

A diretora da escola onde o programa foi lançado, fala da importância do reforço na
alimentação dos alunos ressaltando que a alimentação extra vai ser muito importante para a
comunidade escolar. “Nós temos crianças carentes e, essa refeição a mais, além de incentivar
uma alimentação saudável, vai garantir até no rendimento escolar da criança. Queremos
agradecer de coração. Um programa bem pensado, pensando na comunidade carente”, diz a
diretora da escola, Jamile Oliveira.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

oito + 14 =