Prefeitura de Rio Branco retira mais de 260 toneladas de lixo do Rio Acre

A Prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Cuidados com a Cidade (SMCCI), alcançou um feito notável ao concretizar a operação de Limpeza Histórica no Rio Acre. Pela primeira vez, essa ação de grande envergadura envolveu tanto trabalho manual quanto o uso de máquinas diretamente no leito do rio, com a participação de pelo menos 40 homens.

Durante 15 dias de trabalho mais de 260 toneladas de lixo foram retiradas de dentro do Rio Acre. Isso incluiu uma considerável quantidade de pneus que, por muito tempo, poluíam o Rio.

limpeza tem impacto direto e positivo na qualidade de vida da população (Foto: Evandro Derze/Assecom)

A iniciativa marca um passo significativo nos esforços contínuos da prefeitura em aprimorar a limpeza pública na capital. Esta não é a primeira vez que essa gestão demonstra seu compromisso com a causa ambiental. Operações semelhantes já foram realizadas com sucesso em outros locais, como os Igarapés São Francisco e Batista, onde mais de 160 toneladas de entulhos foram removidas.

Joabe: “A limpeza pública faz parte da saúde” (Foto: Evandro Derze/Assecom)

Além de contribuir significativamente para a saúde ambiental da região, a limpeza do Rio Acre tem um impacto direto e positivo na qualidade de vida da população rio-branquense, que agora pode conviver com um ambiente mais saudável.

O secretário da Secretaria Municipal de Cuidados com a Cidade (SMCCI), Joabe Lira, ressaltou a importância dessa ação. Ele expressou sua confiança de que essa operação de preservação ambiental continuará nos próximos anos, demonstrando o compromisso contínuo da administração municipal com a preservação do meio ambiente e o bem-estar da comunidade.

“Tenho certeza que a limpeza pública faz parte da saúde, então isso é muito importante, não apenas para o meio ambiente, mas também para a população de Rio Branco que mora aqui, nós sabemos que o rio Acre tem passado durante esses anos essa degradação ambiental, então essa limpeza foi importante e eu tenho certeza que vai dar continuidade agora e nos próximos anos também.”

(Foto: Evandro Derze/Assecom)
(Foto: Evandro Derze/Assecom)
(Foto: Evandro Derze/Assecom)
(Foto: Evandro Derze/Assecom)
(Foto: Evandro Derze/Assecom)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

4 + 6 =