Mulher confessa ter matado homem asfixiado por se incomodar com a presença dele

Suspeita teria assassinado Orleilson Coutinho do Nascimento, de 59 anos, na noite de sábado (3). Caso ocorreu no Ramal do Girino, bairro São Francisco, em Mâncio Lima.

Uma jovem de 28 anos procurou a Polícia Militar de Mâncio Lima, interior do Acre, no domingo (4) para se entregar após matar um homem. A mulher é suspeita de assassinar Orleilson Coutinho do Nascimento, de 59 anos, asfixiado na noite de sábado (3) no Ramal do Girino, bairro São Francisco. 

À polícia, a suspeita disse que se desentendeu com o homem, que ambos consumiam drogas juntos e ela se sentia incomodada com a presença dele. 

“Disse que ele incomodava ela, perturbava ela em sua residência e resolveu tirar a vida dele naquela noite”, confirmou o comandante do 6º Batalhão da Polícia Militar, tenente-coronel Edvan Rogério. 

Ainda segundo o comandante, uma equipe da PM foi até a casa da suspeita, onde ocorreu o crime e encontrou o cadáver de Nascimento. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) confirmou a morte da vítima. 

“Ela foi espontaneamente até o quartel da Polícia Militar se entregar. A partir do momento que foi contestado o óbito do senhor, foi dada voz de prisão e conduzida até a delegacia para Cruzeiro do Sul”, confirmou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

3 × cinco =