Prefeitura de Rio Branco investe em pesquisa para garantir o sucesso da perfuração dos poços de captação de água

A Prefeitura de Rio Branco realizou, nesta segunda-feira (29), uma videoconferência com a equipe técnica da Geoscan, empresa responsável por fazer o levantamento geofísico do solo da capital acreana, a fim de identificar os locais mais propícios a serem encontrados aquíferos.

O objetivo da gestão é de sanar de vez a problemática enfrentada em relação ao abastecimento de água na capital. Atualmente, a única captação de água é pelo rio Acre que durante o inverno atinge sua cota máxima, virando bombas e dificultando a filtragem da água devido à alta quantidade de areia e no verão, chega em seu mínimo, limitando a captagem necessária de água.

“Nós temos que resolver o problema e uma parte da solução é perfurar poços” (Foto: Val Fernandes/Assecom)

Segundo o prefeito de Rio Branco, o Município segue em busca de uma solução definitiva, mesmo compreendendo as limitações do solo da região por predominar a formação Solimões, ou seja, constitui-se essencialmente de argilitos e siltitos finamente laminados e maciços.

“Nós temos que resolver o problema e uma parte da solução é perfurar poços. Porém, eles não podem ser feitos de qualquer jeito. Por isso, contratamos a Geoscan para fazer um trabalho que nunca foi feito em Rio Branco. Sempre se falou, mas nunca quiseram gastar como nós estamos gastando, são mais de R$ 700 mil para fazer pesquisa com quem conhece, foram dois tipos: uma com drone que é como se fosse a tomografia do solo e a outra por meio da eletrorresistividade que lança ondas magnéticas no chão visando achar camadas de água.”

O gestor destacou ainda a importância da pesquisa antes da perfuração, para que não se repita o mesmo erro do município de Acrelândia onde a intenção também era de perfurar poços, mas que não deu certo devido à falta de um levantamento necessário para a execução.

“Precisamos solucionar o problema e a única forma é essa daqui, fazendo a pesquisa para posteriormente perfurarmos e termos a certeza de que vamos encontrar, não só a água, mas uma água que presta com volume e qualidade. Então, estou feliz de poder estar fazendo esse trabalho em Rio Branco”.

Foto: Val Fernandes/Assecom
Foto: Val Fernandes/Assecom
Foto: Val Fernan

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

2 × 2 =